De acordo com o estudo, motoristas que também pedalam são mais cuidadosos e mais rápidos para identificar pessoas, alterações e perigo nas vias.

A Distância que aproxima - 1,5 metros - Respeite o Ciclista
Imagem da campanha a distância que aproxima – Respeite o Ciclista (Divulgação)

Um pesquisa conduzida por Lisa J Hansen, da Universidade da Austrália e Vanessa Beanland da Universidade Sunshine Coast, publicada no jornal Accident Analysis & Prevention afirma que ciclistas são menos propensos a sofrerem acidentes de trânsito quando dirigindo outros veículos graças a um costume muito comum de quem pedala – a atenção redobrada para riscos na estrada.

O estudo foi realizado com 42 motoristas com e sem experiência no ciclismo e utilizou 60 plaquetas com imagens típicas de trânsito. Durante o estudo, o objetivo era identificar rapidamente pequenas mudanças nas imagens como sinalização e presença de carros, pedestres e ciclistas.

Os motoristas que também pedalam foram mais rápidos ao identificar as mudanças, com uma velocidade particularmente grande na detecção de imagens de outros ciclistas. Segundo os responsáveis pelo estudo, isso é extremamente importante já que cerca de 12% dos acidentes com ferimentos graves decorrem da não percepção de problema na estrada.

Os pesquisadores ainda concluem que apesar de algumas pessoas possuírem uma habilidade natural para detectar riscos na estrada, o uso da bicicleta parece aprimorar esta característica. Por isso, segundo eles, é importante estimular o uso da bicicleta para aumentar a segurança geral em ruas, estradas e avenidas.

 

“Quando o motorista é ciclista”
Quando o motorista é ciclista :D

 

Veja também

» Ciclistas são seis vezes mais saudáveis, esta é a diferença de quem vai trabalhar de bicicleta
» Estudo demonstra que ciclistas são vistos como pessoas mais atraentes e inteligentes

 

Fonte

Accident Analysis & Prevention | Australian National University | University of the Sunshine Coast | Road.cc

Facebook: tripedalnetTwitter: @tripedalnetInstagram: @tripedalnetMore...