Ciclista carioca confirmou o domínio na competição, ao obter a primeira colocação na disputa de montanha.

Flavia Oliveira vence Tour de Ardeche na França
Vitória na quarta etapa foi fundamental – Foto: Divulgação

A ciclista Flavia Oliveira (Specialized) segue em alta na temporada internacional. Após garantir para o Brasil o histórico sétimo lugar no ciclismo de estrada na Rio 2016, no início de agosto, desta vez a carioca foi além ao conquistar nesta terça-feira (6) o título do Tour Cycliste Féminin International de l’Ardèche, o Tour de Ardeche, na França, um dos principais resultados na história do ciclismo feminino brasileiro. Flavia também foi a melhor na classificação de montanha, com 40 pontos de vantagem para a segunda colocada.

Estou super feliz por ter feito parte desta corrida, em que pela primeira vez o ciclismo feminino teve atletas subindo o Mont Ventoux, tradicional na rota do Tour de France. Conquistar este título é algo que me deixa quase sem palavras para expressar o que sinto. Estou muito feliz, porque queria competir demais essa corrida, que eu sempre tive muita vontade de concluí-la pedalando bem todas as etapas, como pude fazer agora”, comemorou Flavinha

Flavia assumiu a liderança da competição ao vencer a quarta etapa, no domingo (4), com 126,7 km entre as cidades de Florac e Mont Lozère, colocando uma vantagem de mais de três minutos para a segunda colocada do dia. Mesmo sem um bom desempenho no contrarrelógio, na manhã da segunda-feira (5), Flavia foi superior em relação à vice-campeã geral nas duas últimas etapas e garantiu o título após os 95 km entre Saint-Sauveur-de-Montagut e Cruas, com o tempo acumulado de 19h51min24 em 623 km pedalados.

Flavia em treino para o tour de ardecheTinha em mente que poderia fazer um bom papel, mas ao mesmo tempo estava ciente de que não competir há quase um mês, quando disputei a Olimpíada do Rio de Janeiro, era algo que poderia me prejudicar pela falta de ritmo. Antes da competição havia estudado as sete etapas do Tour de Ardeche e sabia que em tudo tinha subida e eram sempre muito técnicas, o que engrandece ainda mais o meu feito. Esta foi minha quarta participação no evento, sendo que em duas delas não completei”, destacou Flavia Oliveira

Antes de disputar a Rio 2016, em que conquistou para o Brasil o melhor resultado no ciclismo de estrada olímpico até hoje, Flavia Oliveira teve bons resultados em provas europeias. No começo de julho a ciclista foi campeã de montanha no Tour de Feminin, na República Tcheca, competição que contou com mais de 180 atletas e a realização de cinco estágios, totalizando 394,5 km. Duas semanas mais tarde, em sua última disputa antes da Olimpíada, Flavia foi vice-campeã do Tour da Polônia, prova com três etapas realizadas em dois dias.

 

Fonte:

Specialized | ZDL Colunicação

Facebook: tripedalnetTwitter: @tripedalnetInstagram: @tripedalnetMore...