Ultramaratona com apelo sócio-cultural leva os participantes a conhecer o sertão mineiro percorrendo o caminhos da Boiada que inspirou Guimarães Rosa em suas obras.

Institucional (Caminhos de Rosa)

A Caminhos de Rosa é a maior Ultramaratona de MTB non-stop da América latina e desde o ano passado, em parceria com a Federação Mineira de Ciclismo, realiza o Campeonato Mineiro de Ultramaratona de MTB. Também foi pioneira a realizar a primeira competição de Gravel no Brasil com padrões internacionais.

Dentre os eventos esportivos promovidos pela Caminhos de Rosa estão, corrida (ultramaratonas com 250 km, 140 km, 100km e 50 km, e outras distâncias menores como 21 km, 13 km), MTB, Gravel e Bike Elétrica, com distâncias de 160km e 300 km.

Além de ser uma das ultramaratonas mais difíceis e encantadoras do mundo, também abrange projetos sócio-culturais, como o Hospedarias, um projeto de desenvolvimento socioeconômico local, preservando a identidade e o estilo de vida do sertanejo, as Caminhadas pelo sertão mineiro e os Documentários regionais.

A valorização da cultura local está presente deste as escolha do tema anual e das apresentações no briefing, receptivos locais até o cuidado na produção dos troféus, sempre elaborados por um artesão da região.

Em 2019, será lançado o CAMPEONATO DE CICLISTA RAIZ, uma corrida que busca resgatar a importância da bicicleta no sertão mineiro, como um importante meio de transporte, uma categoria onde as bicicletas devem ser rústicas, como as tradicionais “Barra-Forte” e ganhará o atleta mais “típico”, ou raiz.

Também será lançado o Projeto Hospedarias, junto ao SENAR – Serviço Nacional de Aprendizado Rural, e o SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, a fim de resolver os problemas de hospedagem dos ciclistas na chegada em Cordisburgo e promover o treinamento dos moradores para que a sua casa possa ser uma hospedaria, um local onde o atleta ou turista possa viver entender um pouco mais da dinâmica do Sertanejo Mineiro, entender seus costumes e suas tradições.

O tema deste ano será uma homenagem ao luthier “Mestre Joninho”, autodidata e imerso no universo narrativo de Minas gerais como Guimarães Rosa, um Sertanejo, apaixonado pela sua terra que conta suas historias pela música, e não somente isso, mas extrai de cada madeira, em um trabalho que dura meses, os sons do sertão. Um mestre que faz parecer tudo ser fácil, que nos faz acreditar que todos temos dons, e que Felicidade e dom se acha é em horinhas de descuido.

Entrevista na ìntegra com Johninho, nosso homenageado 2019 (Caminhos de Rosa)

André Zumzum - Caminhos de RosaNossa inspiração é o Caminho da Boiada, uma boiada que Guimarães Rosa acompanhou em 1952. Esse caminho é a única experiência de Guimarães Rosa no sertão mineiro. Mas sua vida e suas obras ganharam tamanha notoriedade que todo sertanejo tem algum causo para contar sobre sua passagem nos mais diversos lugares desse sertão mineiro.
 
Nosso desejo é de que todos os atletas e peregrinos tenham uma experiência única em suas vidas, vivenciando um caminho que um dia inspirou um dos nossos maiores escritores. E que o Caminhos de Rosa que, de alguma forma, também sirva de inspiração para nossos atletas, colaboradores, parceiros e a toda a comunidade do sertão de Minas Gerais.”
André Zumzum, Diretor da Caminhos de Rosa

 

Veja também

» Saiba mais sobre a Ultramaratona Caminhos de Rosa
» 1º Campeonato de Ciclista Raiz
» Melhores momentos Ultramaratona Caminhos de Rosa 2018 – Eq. Tripedal
» Conheça o nosso ranking com as 7 melhores ultramaratonas e stage races do Brasil

 

Fonte

Organização da Caminhos de Rosa

Facebook: tripedalnetTwitter: @tripedalnetInstagram: @tripedalnetMore...